F. Scott Fitzgerald descrevendo uma personagem em “Este lado do paraíso“:

“Sua filosofia é carpe diem para si mesma e laissez-faire para os outros.”

 

Este lado do paraíso, F. Scott Fitzgerald
(Cosac Naify, p. 203)

Anúncios